Limpeza pós-obra eficiente

A etapa de limpeza pós-obra é um processo que se localiza entre a conclusão da mesma e a entrega do empreendimento. É um procedimento essencial, pois vai influenciar na qualidade com que a obra chega ao cliente final e tem relação direta com o controle de qualidade, principalmente com a vistoria, que é feita com o objetivo de identificar possíveis defeitos de construção, partes quebradas ou com acabamento ruim, etc.


Veja algumas dicas para uma limpeza pós-obra eficiente.

Limpeza pós-obra eficiente


A etapa de limpeza pós-obra é um processo que se localiza entre a conclusão da mesma e a entrega do empreendimento. É um procedimento essencial, pois vai influenciar na qualidade com que a obra chega ao cliente final e tem relação direta com o controle de qualidade, principalmente com a vistoria, que é feita com o objetivo de identificar possíveis defeitos de construção, partes quebradas ou com acabamento ruim, etc.


Veja algumas dicas para uma limpeza pós-obra eficiente.


Mão de obra qualificada


A mão de obra especializada e qualificada é a ideal para que esse processo seja realizado com êxito. Muitos cometem o erro de não contratar profissionais especializados e designam aos serventes da obra a tarefa de limpar o local.


Contudo, são necessários cuidados especiais e delicados, como limpeza de vidros, porcelanatos, cerâmicas e alumínio.


Busque manter a obra organizada


Durante uma construção, ocorrem muitas sujeiras como entulhos, poeira, sobram restos de fio, etc. Contudo, uma organização mínima, impedindo que acumule sujeira e entulho, é muito importante, e contribui muito para a eficiência da limpeza pós-obra.


Por isso, escolha um local para descartar os resíduos da construção, e instrua os pedreiros aquilo que não serve nesse local. Além disso, converse com os trabalhadores a obra para que busquem limpar a parte mais grossa de poeira todos os dias, durante os 15 minutos antes de finalizar o expediente.


Essa organização não somente contribuirá para a limpeza pós-obra, como também libera espaço e facilita o trabalho.


Defina cronograma de limpeza


Para uma boa limpeza pós-obra, é importante que haja planejamento. Defina um cronograma com os dias e espaços que serão limpos, e siga esse planejamento.


Um boa ideia é começar a limpeza por áreas mais afastadas da entrada da obra, e fazê-la do teto para o piso. Após essa parte, o melhor é realizar a remoção de poeira e de respingos de tinta, de cimento e de gesso. Depois, vem a limpeza de janelas, portas e batentes e, ao final, é feita a lavagem e desinfecção dos sanitários.


Com um cronograma bem elaborado é possível realizar a limpeza pós-obra com muito mais eficiência.


Não esqueça dos EPIs e técnicas necessárias


A limpeza pós-obra é um trabalho pesado e que pode exigir o uso de produtos químicos específicos. Dessa maneira, não se pode deixar de lado equipamentos de proteção individual corretos, tais como luvas, máscaras, óculos e também botas de PVC.


É preciso também muita atenção à utilização de produtos em cada superfície. Produtos de base ácida podem danificar os locais e precisam ser usados com moderação, assim como produtos abrasivos, desde palha de aço e buchas abrasivas, que não devem ser usadas em alumínio e porcelanatos.


Fontes:

AECweb

Guia do Construtor