FÔRMAS PARA LAJES NERVURADAS

A ATEX do Brasil possui hoje a maior quantidade e diversidade de fôrmas para lajes nervuradas. São 127 modelos com diferentes medidas. Além disso, a ATEX também é pioneira no fornecimento de meia fôrma. Atualmente, a linha tem presença expressiva em todo o mercado nacional e seus produtos são utilizados até mesmo em outros países.

VANTAGENS DAS FÔRMAS PARA LAJES NERVURADAS:

Foto 1.1 - Laje Nevurada.png
  • Construção mais racional de laje nervurada;

  • Dispensa o uso de madeira e inertes (enchimento);

  • Simplifica a armadura;

  • Otimiza vãos com maior envergadura;

  • Comercializada à base de locação;

  • Redução de despesa no final da obra;

  • Nervuras com larguras tecnicamente dimensionadas para alojar ferros;

  • Estrutura segura, sem perigo de corrosão precoce;

  • Laje com ótima estética e acústica;

  • Fácil desforma manual, sem ar comprimido.

Untitled-1.png
Untitled-2.png

FÔRMAS PARA LAJES MACIÇAS

A ATEX possui o Sistema Planex, projeto inovador que tem como objetivo o melhoramento do processo executivo da laje maciça, resultando em uma obra ainda mais limpa, organizada e ecologicamente sustentável. O conceito é substituir a utilização do compensado de madeira por peças plásticas na concretagem das lajes. Tem como vantagem a durabilidade e a possibilidade de maior reutilização, pois as mesmas podem ser reparadas ou soldadas após vários usos.

Peças projetadas em Polipropileno com dimensão de 60 cm x 60 cm x 7 cm. São ligadas umas às outras através de travas.

Produto_3_-_Laje_Maciça.png

VANTAGENS DAS FÔRMAS PARA LAJES MACIÇAS:

  • Maior produtividade durante a montagem de fôrmas;

  • Durabilidade da fôrma e maior reutilização;

  • Redução em aproximadamente 85% de madeira nas obras;

  • Não há descarte de material;

  • Mais ergonomia na movimentação das fôrmas;

  • Menor utilização de mão-de-obra de carpinteiro;

  • Não necessita de mão-de-obra especializada para montagem;

  • Não deforma em contato com água de chuva;

  • Redução do uso de energia e emissão de CO2.